quinta-feira, 13 de abril de 2017

O CIRCO MORO/JANOT/PF/GLOBO/LULA... JÁ ESTÁ ARMADO EM CURITIBA...




“UFC e FUTEBOL são EVENTOS. Depoimento na justiça não é evento. Na verdade É UM SHOW para a condenação do Lula. É O CIRCO ARMADO!“.

O CIRCO está sendo montado. Diante da perspectiva de petistas, simpatizantes e defensores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva rumarem em caravanas para Curitiba, no dia 3 de maio, data em que ele estará frente a frente com o juiz Sérgio Moro para seu interrogatório, a direita também se organiza e tudo poderá acontecer.

OFICIALMENTE, autoridades da Segurança Pública do Paraná garantiram desconhecer a movimentação dos grupos pró-prisão de Lula. Ou seja, os grupos de direita. Mostram-se preocupadas sim com as caravanas a favor de Lula. A Polícia Militar, inclusive, já cadastra moradores do entorno do prédio da Justiça Federal, na expectativa de ter que bloquear ruas, só dando acesso a quem ali reside.

APESAR disso, essas autoridades dizem que ainda é “prematuro” adiantar qualquer coisa. “Mais para perto do evento vamos avaliar o panorama. Por enquanto é só preparação“, explicou uma fonte bem situada do governo estadual lembrando, inclusive, que em eventos do UFC e em jogos de futebol também é comum cadastrarem os moradores com antecedência.

É pergunta recorrente.
Ouvi em palestras, festas, bares, encontros casuais, etc.
Alguns complementam: “Foste Ministro de Lula e da Dilma, tens que saber…” 
Não perguntam qual conduta de Lula seria delituosa.
Nem mesmo perguntam sobre ser, ou não, culpado.
Eles têm como certo a ocorrência do delito, sem descrevê-lo.
Pergunto do que se está falando.
A resposta é genérica: é a Lava-Jato.
Pergunto sobre quais são os fatos e os processos judiciais.
Quais as acusações?
Nada sobre fatos, acusações e processos
- See more at: http://marceloauler.com.br/curitiba-0305-confronto-a-vista/#sthash.ZFWTmK8p.dpuf

CAINDO DE PODRE...




À FRENTE de um governo com oito ministros investigados por corrupção e acusado pela Odebrecht de presidir uma reunião em que se acertou uma propina de R$ 126 milhões para o PMDB, Michel Temer é aprovado por apenas 5% dos brasileiros.
É o que aponta pesquisa CUT/Vox Populi, divulgada nesta quinta-feira.
O levantamento também apontou que nada menos que 93% dos brasileiros são contra o desmonte da Previdência – uma reforma que vem sendo conduzida por Eliseu Padilha, braço direito de Temer, e também um dos mais envolvidos na arrecadação de propinas.
Nenhuma medida do Temer visou crescimento econômico, geração de emprego e renda, ou combate à fome e a miséria. Ele só propõe desmonte: da aposentadoria, da CLT, dos direitos trabalhistas e venda do patrimônio público.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...